sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Balder Walker - 1 - Protótipo

Não gosto de sair falando sobre a minha vida para ninguem, mas vem acontecendo tantas bizarrices comigo que eu tenho a obrigação de dividí-las com você. E nada de se aproveitar e ja vir esmiuçando essa vida inútil que levo, conto o que quero, ouça se quiser e contente-se com o que foi dito. Não sei até quando vou escrever esse troço, mas garanto que enquanto escrever vou fazer da melhor maneira.

Me chamo Balder Walker e para fazer jus a esse maldito sobrenome, adoro sair por aí sem rumo. Do que eu mais gosto? Além de escrever, viajar, adoro conhecer novos lugares. Quer me deixar muito feliz, o cara mais feliz do mundo? Me convide para viajar. E é o que mais vou fazer daqui para frente, recebi uma boa grana - dinheiro para ter uma vida de magnata por mais 100 anos, tempo que estimo ter ainda - e vou aproveitá-la da melhor maneira, viajando muito. Depois de dar uma volta ao mundo decidirei onde montar minha base, não que eu vá passar o resto da minha longa vida no mesmo lugar, não disse em momento algum que tenho raízes, mas vou querer passar algum tempo em um lugar fixo, onde possa ser encontrado às vezes. Voltemos à viagem, que é mais interessante, assim que recebi a grana fui depositar tudo num banco, chequei se meu passaporte ainda tinha validade, tinha, e arrumei minha mala, roupas para frio e calor, documentos, uma escova de dentes com um ano de uso, perfumes, um ipod abarrotado, laptop (de onde acha que vou escrever?) e é claro, um cortador de unhas.

Deixei pago alguns meses de aluguel, só para manter meus poucos bens num local seguro, quando terminar a viagem mando alguém vir buscar as coisas. Desci do apartamento e entrei no yellow cab que me esperava, espero demorar muito para ver um desses novamente ou qualquer coisa que me faça lembrar dessa cidade, Nova Iorque não é um lugar para se morar, e incrivelmente estou me libertando daqui, agora entendo porque esse foi o local escolhido para abrigar a estátua da liberdade, inclusive tenho a impressão de que até ela deseja ir embora.

O taxista, um senhor bem humorado, me perguntou para onde iriamos, após colocar minha mala no fundo do carro. Com cara de pouca conversa lhe disse: Aeroporto John F Kennedy, por favor.

-Vai viajar?

Pronto, o cara me viu com uma mala, peço a ele para me levar ao aeroporto e ele me faz uma pergunta dessas, no duro, juntei as poucas forças que ainda tinha depois dos últimos acontecimentos, respirei fundo e respondi:

-Vou, ando cansado dessa cidade e de toda a gente que vive aqui. Quero ficar longe por um bom tempo.

Depois disso sua única frase, já no aeroporto, foi:

- São 76 dólares e 30 centavos. Tem 30 centavos para facilitar o troco?



Fui ao balcão da Virgin Atlantic e perguntei à balconista, já sabendo a resposta:
- Para onde vai o vôo internacional mais próximo excluindo qualquer destino na América?
- Para Londres, senhor.
- Quando sai o próximo?
- Só terei vaga disponível para o vôo 010, que parte exatamente daqui a duas horas, às 21h35min com chegada no Aeroporto Heathrow, Londres, às 09h30min do dia seguinte, horário local.
- Quero uma passagem na primeira classe (mereço o luxo) no nome de Balder Walker. Quanto custa?
- Us$ 5.564,00.

Despachei a bagagem, peguei a passagem e fui comprar alguns livros, eles são úteis em qualquer viagem, mesmo nas mais divertidas haverá um momento no qual você não terá o que fazer, como num trajeto de sete horas. Sentei para tomar um capuccino enquanto a hora do embarque não chegava e tirei um dos livros da sacola, O Apanhador no Campo de Centeio, fazia tempo que queria lê-lo.

P.S. Sobre o dinheiro tenha paciência que um dia contarei qual foi sua fonte, sobre minha idade por enquanto só adiantarei que sou bem jovem e sobre minha família... bem... eles estão vivos e aparecerão na hora certa (o dinheiro não veio de herança).



Continua...

27 comentários:

Lucas disse...

Opiniões sobre esse post e sugestões para sua continuação?

Filipe Veras disse...

huahuahauhauaha
muito bom. Mas caraca. 5.000$ pra ir pra londres! Passagem aerea é cara em qualquer lugar...

Amanda disse...

Eu não hesitaria em pagar tudo isso pra ir pra Londres... mas em dez vezes sem entrada e sem juros! Sacangem. =)
Esse cara parece que faz máfia... ele é contrabandista?

Jonatas Fróes disse...

Bom, gostei do texto. Não sou muito fã de blog-novelas, porque dificilmente consigo acompanhar todos os posts hehehehe xD... Então sugiro que faça um conto, crônica, ou algo menor pra que ninguém fique perdido eternamente na história.

O cara tem grana, quer viver bastante, parece ser meio metido ou arrogante. Um bom personagem. Acho que fazê-lo passar por situações inusitadamente perigosas vai engrandecer sua história e atrair seus leitores ^^
Pense em coisas bizarras e sombrias hehehe xD

[]'s

Musikaholic

A filha única disse...

Faço a mesma pergunta da menina em cima,
ele é contrabandista?
:*

Márcio Ribeiro disse...

Legal seu post, e o mistério sobre a origem do dinheiro da um toque especial.

Seu blog ta excelente, eu sempre dou uma olhada em outros posts e não só no primeiro, ta de parabéns, ta muito bem elaborado.

http://comideiaseideais.blogspot.com
http://montanobode.blogspot.com




CONCURSO PARA BLOGUEIROS "GANHE UMA COLUNA", além da coluna você ganha 5.000 vizualizações de seu blog + 1 banner 120x60 em sua coluna. Acesse:
www.portodosul.com.br

KarinaK disse...

ei, Lucas, muuuuito show...
vc me deixou com vontade se saber como será a continuidade... x)
Adorei o início meio arrogante desse personagem...
achei massa a relação do sobrenome (Walker) com o fato de ele amar viajar...
na verdade, já adorei Balder Walker... hehehehe x)
imagino q as idéias para continuação possam ser as mais variadas possíveis... viajar o mundo inteiro, imagina em qts situações cômicas, impressionates ou assustadoras ele vai passar?!

Vida Mágica já está atualizado!!!

KarinaK disse...

ah! mais uma coisa:
acabei de ver teu comentário no blog da Jérula, e meu parecer sobre a situação é...

só pq escrevi um conto no meu blog, td mundo se empolgou para postar contos nos seus próprios blogs... ahauhauahauahauhau x)

Não sabia de toda essa minha capacidade de influência...
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

É sério, eu precisava zoar... xD

jérula disse...

ei..legal, mas ele parece mto!!! c/ o protagonista de o apanhador no campo de centeio..mto 10...quem sabe eu me inspitro...adorei td mundo andar escrevendo ficção....amo ficção..
imaginei ele parecido contigo..parece mesmo?!
bjs

Lucas disse...

Karina
Esse post já estava escrito há pelo menos 2 meses... então vocês que me imitaram. xD



Jérula
Ele se parece um pouco com o Holden mesmo, mas, mais nesse primeiro post, nos outros capítulos a semelhança será menor. Se ele parece comigo? Nem tanto...

Pitadinha de Amor disse...

po legal e isso vc tirou de onde?

E. Ryanz disse...

FDP, esse Balder Walker roubou minha idéia (sem falar q até careca ele deve ser - com um nome desses!), eu que ia roubar um Banco em NY, outro em Londres e etc...
Pelo menos ele não se escondeu em Boa Vista, como eu teria feito! HEHEHEHE...
O q eu faria em Boa Vista com tanto dinheiro? Calma q não tenho tanta criatividade assim!
HUAhuahuahuauhauhahuuahuha....
Flwz! Ótimo Post, Abraço!

Ghosturbo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ghosturbo disse...

A historia é bem escrita, mas falta um toque que prende o leitor, como do que se trata a historia. Tem alguns furos como o cara levar um laptop para narrar acontecimentos que ainda vão acontecer. Mas tá beleza, você escreve bem...


http://blogdoignorante.blogspot.com/
Uma opinião ignorante sobre tudo.

Lucas disse...

ghosturbo

O tema principal da história é parte da vida do Balder, e realmente faltam muitos dados, que intencionalmente só serão divulgados no decorrer da história.

E qual o furo em ele levar um laptop para continuar escrevendo algo que ele já escreve?
Flws!

Karla Hack disse...

Gostei do tom deste texto..
O cara me lembrou um pouco o do filme "Na Natureza selvagem" - de espírito.. não destinos..
Gostaria de ver uma continuação
Adoro viajantes!

;D

bjus

Digho disse...

Hauahua Muito bom queria ter uma vida assim..Adoro viajar.Quero ver como termina essa estória.Sucesso! Abraços!

Patricia disse...

Olá!
Vi seu blog na comunidade do Orkut e vim conferir/comentar!
Passa lá no meu tb:
http://blogdapattyandrea.blogspot.com

Deisinha Rocha disse...

Huuuuaaaauuuuu...

com uma vida dessas, não dá pra querer saber de mais nada...

Comecei a gostar!

Marcos Goulart disse...

é a vida que pedi a deus, sou ateu :P.
sexo, drogas e rock and roll sempre tem que ter nessas histórias.

tendo tempo

http://segundaopcao.blogspot.com/

abraços

Erica disse...

hehee adorei o blog
bjo

Erica disse...

Posso te linkar nos favoritos?
passarei aqui sempre que der,ok?
beijos!
ps: adorei teu comentário!

márcio disse...

É uma bela história, tem esse ar de mistério quanto a origem do dinheiro, to aguardando o decorrer da história.

Excelente blog!

Elo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elo disse...

Gostei bastante do post!
Você é muito criativo quanto aos acontecimentos em que seu personagem se insere durante a trama, estou ansiosa pra
saber o desfecho dessa história incrivel!

Thaíssa Vasconcelos disse...

Você é meio enraizado, embora se veja com asas...

Adoro seu blog, suas histórias...adoro mesmo! Parabéns...muito criativo!

Anônimo disse...

Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!